Plataforma ideal de e-commerce . Como acertar na escolha ?

plataforma ideal de e-commerce

Qual plataforma é ideal para desenvolver meu e-commerce?


Um estudo divulgado em janeiro deste ano pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), revelou que o varejo online nacional, em 2014, ganhou nada menos do que 5 milhões de novos consumidores, com um crescimento de 27% em relação ao ano anterior. Números muito superiores ao comércio físico, que cresceu menos de 5% no mesmo período.

O crescimento das vendas pela internet tem feito muitos profissionais do segmento físico migrarem para o ambiente virtual. Mas no momento de colocarem a mão na massa, o desconhecimento sobre as ferramentas para desenvolvimento de plataforma de e-commerce acaba travando sua evolução no mercado virtual, o que explica porque, mesmo com tantos consumidores ávidos por novidades, a taxa de mortalidade das lojas online beire os 60% no 1º ano de vida.

Pensando nestas dificuldades, nossa equipe de especialistas em ferramentas digitais traçou uma comparação entre os diversos tipos de plataforma  existentes para que você consiga escolher a  plataforma ideal de e-commerce para a sua necessidade. Não deixe seu sonho ser barrado pela falta de conhecimento!

Tipos de plataforma de e-commerce disponíveis no mercado

Virtue Mart, AgoraCart ou os tradicionais Magento, OpenCart e PrestaShop? Existem várias plataformas através das quais é possível desenvolver sua loja online.

Quais critérios devem ser analisados na escolha da plataforma ideal para loja online?

  • Quais são as linguagens suportadas
  • Variedade de pagamentos aceitos
  • Complexidade no manuseio
  • Se há suporte disponível no país
  • Se existe compatibilidade com os principais navegadores
  • A possível diversidade no desenvolvimento (extensão e temas)
  • Se há flexibilidade para integração com sistemas internos da empresa
  • Se permite otimização para motores de busca

Confronto entre as principais plataformas de e-commerce do mercado

Antes de qualquer coisa, vale a pena lembrar que todas as 5 plataformas citadas são open source, ou seja, permitem que o usuário faça o download de forma gratuita e tenha acesso aos seus códigos-fonte. A partir disso, o  usuário é livre para mudar a plataforma como bem entender.

Magento

Líder de mercado. Criado pela norte-americana Varien, em 2007, se tornou rapidamente a mais importante solução em comércio virtual do planeta, em função de sua flexibilidade, segurança, autonomia de implementação de novas funcionalidades e robustez. Atende hoje mais de 100.000 lojas virtuais.

Vantagens:

  • Dispõe da maior diversidade de funções e recursos nativos entre as plataformas de código-aberto;
  • Tem milhões de programadores e usuários que atuam de forma colaborativa em todas as partes do Globo;
  • É o mais popular no Brasil;
  • Possui imensa variedade de extensões e plug-ins;
  • “Friendly” com os motores de busca (SEO);
  • Capacidade para atendimento de grandes demandas e empresas de grande porte;
  • Versão em português.

 

Desvantagens:

  • Maiores custos de desenvolvimento
  • Maiores custos com servidor
  • Alto custo de manutenção
  • Back-end de alta complexidade

OpenCart

Lançado em 2009, também é norte-americano e, hoje, um dos maiores concorrentes do Magento.

Vantagens:

  • O sistema mais leve entre todos os listados aqui;
  • O de menor custo de manutenção;
  • Fácil manuseio;
  • Back-end de baixa complexidade;
  • Versão em português.

 

Desvantagens:

  • Poucas funcionalidades;
  • Comunidade de programadores e usuários em menor número do que o Magento.

PrestaShop

De origem francesa, o PrestaShop foi lançado em 2007, mesmo ano do Magento.

Vantagens:

  • Muitos recursos disponíveis (mas perde neste quesito para o Magento);
  • Grande quantidade de extensões e plugins;
  • Integração original com plataformas de pagamento consagradas no mercado, tal como PayPal e Pagseguro;
  • Back-end de baixa complexidade;
  • Versão em português.

 

Desvantagens:

  • Bugs em atualizações.

Virtue Mart

Vantagens:

  • Possui flexibilidade com relação à configuração dos produtos, mas perde para a mais tradicional entre as soluções de comércio eletrônico, o Magento;
  • Forma simples, intuitiva e ágil de cadastrar uma grande quantidade de produtos;
  • Performance mais veloz do que o Magento;
  • Solução mais simples para quem está começando no comércio eletrônico;
  • Bem configurável na parte de entregas (permite aplicar as taxas ao SKU – código de referência do produto – ou as quantidades ao SKU);
  • Versão em português.

 

Desvantagens:

  • Comunidade pequena no Brasil;
  • Menor quantidade de funcionalidades do que o Magento.

 

AgoraCart

Vantagens

  • Flexível.

 

Desvantagens

  • Perde em facilidade de manuseio para o Magento;
  • Não tem suporte no Brasil;
  • Comunidade pequena no país.

&nbsp
A escolha da melhor plataforma para montar sua loja virtual depende do tamanho da loja e de suas ambições. Se o comércio eletrônico está começando, um Virtue Mart já é suficiente. Entretanto, para lojas online maiores, com alta demanda diária e planos de expansão mais audaciosos, focar no Magento pode ser uma saída mais inteligente! E, agora, pronto pra entrar de vez no comércio eletrônico?

Deixe o seu comentário para nós. Participe da conversa!

Com mais de 20 anos de carreira na área de tecnologia, Evandro Martins estuda e aplica as técnicas de marketing digital há 9 anos. É graduado em Administração de Empresas, tecnólogo em Redes de Computadores e pós-graduado em Tecnologias de Internet pela COPPE-UFRJ. Já trabalhou em empresas como Petrobras e Globo.com, além de prestar serviços para vários clientes em áreas distintas. Atualmente, trabalha em uma das maiores multinacionais da área de tecnologia e entende que com dedicação e conhecimento das ferramentas corretas é possível criar uma estratégia vencedora para alavancar os resultados através da internet.

Perdi a senha

CONHEÇA A PLATAFORMA DE MARKETING INTEGRADO INOVADORAEU QUERO !
Share This